sábado, 28 de junho de 2014

Excesso de sal, açúcar e gorduras na alimentação

O  excesso de açúcar na preparação de bolos e doces aumenta muito o valor calórico da dieta, o que leva ao ganho de peso e, consequentemente, à diabetes. Estima-se que, por dia, a quantidade máxima de açúcar que pode ser consumida é 10% das calorias totais, o que equivale a 50 g em uma dieta de 2.000 calorias. Por isso, é fundamental prestar atenção nas alternativas que podem reduzir a quantidade de açúcar nas receitas. A dica principal é fazer substituições, por exemplo, utilizando adoçantes, polpa de frutas, frutas naturais ou até mesmo cacau. Além disso, existem alguns alimentos como achocolatados e sucos que já são doces e não necessitam de adição de açúcar ou alimentos que já têm açúcar em sua composição, como pães e refrigerantes, que devem ser consumidos com moderação.
Em relação ao excesso de sal, as consequências também podem ser sérias já que pode causar hipertensão, o que aumenta o risco de infarto, AVC e insuficiência renal. Se não controlada, a pressão alta pode ainda provocar cegueira, irregularidades nos batimentos cardíacos e insuficiência cardíaca. No entanto, o sal é importante porque as pessoas precisam de iodo no organismo, portanto, não é ideal cortá-lo absolutamente da alimentação.



A dica da nutricionista Cynthia Antonaccio é misturar no preparo dos alimentos sabores que podem simular o sal, como ervas, condimentos secos, geral, limão, manjericão e outras opções parecidas.Do mesmo jeito que o excesso de sal, o excesso de gordura e fritura também pode levar ao infarto porque entope as artérias do coração.
No entanto, nesse caso, é um pouco difícil abandonar esse hábito porque os brasileiros já estão acostumados, então a dica do endocrinologista Alfredo Halpern é reduzir o consumo de alimentos gordurosos e fritos para evitar essas consequências ruins para a saúde. Para diminuir os impactos desse excesso ao organismo, existem também algumas alternativas. A principal delas é optar por aquecimento no forno, que pode simular o efeito da fritura. Além disso, utilizar o óleo bem quente no preparo dos alimentos evita que eles fiquem encharcados e absorvam muito a gordura.












Sem comentários:

Publicar um comentário